ENCANTA VALE CHEGA EM SUA V EDIÇÃO – RETROSPECTIVA E CONSOLIDAÇÃO DO PROJETO

Além de democratizar o acesso à cultura, o projeto objetiva principalmente, a visibilidade do fazer cultural destes coletivos de artistas que se encontram fora da mídia e dos espaços formais da grande produção cultural, apresentando uma visão crítica e ao mesmo tempo sensível do momento social de criadores e criaturas.

PERMITA-SE, foi com este tema que mobilizamos – em 2009 – a comunidade em Rifaina para uma apresentação que seria, que foi e que infelizmente não pode seguir sendo ali, no pequeno “arrail do cervo” um projeto de sensiblização sociocultural e ambiental. A quebra de paradmas foi assustadora e  suficiente para gerar desconforto em algumas pessoas e então o projeto passou a ser executado ha 5 km do lindo Teatro de Arena de Rifaina, que desde então segue  abandonado, infelizmente.

ATAQUE SOVIÉTICO – Em 2010 a ação do Encanta Vale seguimentou-se como protesto ao boicote sofrido. O “ataque” de grafite foi uma forma de expressar o sentimento de luta em manter vivo o intecambio cultural proposto desde sempre, assim, nesta edição, o projeto levou a cultura e a tendencia do grafite art de São Paulo até Rifaina.

COLETIVIDADE – Tema da Edição de 2011 onde o projeto demonstra um elevado grau de maturação, naquele ano, já sendo executado como parte da programação do terceiro Festival de Inverno do Parque Náutico de Jaguara, que foi o patrocinador oficial do projeto, através da lei de incentivo a cultura (lei rouanet).

RESISTÊNCIA – Em 2012 mesmo com pouca verba o projeto seguiu resistindo e recebe apoio de diversos coletivos culturais de Franca. Se tratando de um festival com grande foco em pesquisas e manifestos de vanguarda e contra-cultura, Franca demonstra ter muita coisa que poucas pessoas conhecem, ou não reconhecem

“É o compartilhar de uma massa de ideias e reações emocionais pelos membros de uma sociedade que dá a esta sociedade unificação das vontades e a capacidade de ação voluntária conjugada”. Ralph Linton – O Homem uma introdução à antropologia.

O Encanta Vale é idealizado pelo fotógrafo e produtor cultural Ernani Baraldi. O projeto é uma miscelânea cultural que promoverá encontro de vários artistas independentes que idealizam a cultura popular, manifestações de arte urbana, artes visuais, teatro, dança entre outras atividades coletivas que visam fortalecer os aspectos culturais das comunidades receptoras, promovendo intercâmbio cultural.

Tendências de vanguarda, diversidade cultural, manifestação de cultura popular, difusão, entretenimento e sustentabilidade.

  • Encontro de pessoas das mais diversas culturas e influências relacionadas aos manifestos de arte e cultura popular, cultura digital e movimentos independentes;
  • Integração com a singularidade das comunidades locais;
  • Oportunidade de divulgação do trabalho independente e ampliação do mercado para os artistas envolvidos;
  • Projeto inovador, diferenciado aos que acontecem na região, despertando interesse em constituir e continuar a promover atividades culturais relacionados às atrações apresentadas;
  • Ecologicamente correto; Economicamente viável;  Socialmente justo;  Culturalmente aceito.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s