IV Festival Encanta Vale

Acontece sábado 19/5 e Domingo 20/5 a IV edição do Festival Encanta Vale, miscelanea cultural que promove o encontro de diversos agentes culturais, artistas e coletivos da cena independente e que idealizam manifestos de arte urbana, cultura popular tradicional, novas linguagens da cultura digital, artes visuais entre outras.
Se tratando de um festival com grande foco em pesquisas e manifestos de vanguarda e contra-cultura, seu idealizador o fotógrafo e pesquisador Ernani Baraldi mostra-se impressionado com os movimentos que estão acontecendo em Franca. “Importei as pesquisas do Fotógrafo Urbano pra região desde que voltei a viver em Rifaina. Em São Paulo, onde morei 15 anos,  a contra-cultura é muito evidente, entretanto, em Franca, ela esta fervilhando também, embora pouco conhecida ou reconhecida, mas sinto que as barreiras estão sendo quebradas, e no que eu puder contribuir para divulgar e fotalecer, como estamos fazendo nesta IV ediçao do Encanta Vale, eu farei, é preciso unir forças, quebrar paradgmas, afinal vivemos em um novo tempo diverso, da informação onde a palavra colaboração e curiosidade são fundamentais, principalmente para as novas gerações que estão chegando. É preciso acabar com os pre-conceitos dessa arte vista como marginal”.
Na programação, diversos coletivos Francanos fortalecem o Festival com muita atitude, sábado as 13 Horas dá inicio as apresentações o coletivo Luz Azul  que nas pick-ups disseminam e contagiam com uma seleta de Brasilidades, Original Funk, Breaking Beat e Música Jamaicana tudo no eterno disco de Vinil, o coletivo apresenta ainda, live Paint de Graffiti Art. Ainda nas picks-ups, de São Paulo, o coletivo Reggay Oldies traz na bagagem discos de Ska, Rocksteady e Eraly Reggae.
Tudo ao mesmo tempo agora, enquanto as seletas do original sound system rola, o coletivo “Buenos Lar” que é um movimento – também Francano – de amigos que andam de skate na pista do Jardim Bueno estarão fazendo manobras em um mini circuito de rua, eles  já estão na estrada ha um bom tempo, andando pela essência, divertindo, gravando diversos vídeos, fotografando. O coletivo busca inserir uma mensagem direta e sem preconceitos do skate de rua onde a integração e socialização entre os membros da crew e outros coletivos que chegam para somar e fortalecer.
A programação segue até as 19 Horas, contando ainda com B-boys intervindo com Breaking, Popping e bboyng, banda cover Meu Pai Ouvia com clássicos do Rock 60/70. As 17 Horas acontece pela segunda vez uma mesa redonda que debaterá a Cultura Digital e as 18 horas tem abertura da I Mostra de Curtas, com exibição do documentário da cidade de Sacramento e o Circular Periférico. Domingo a partir das 13 Horas acontece discotecagem
Um Festival que dissemina cultura (diferenciada) na região de Rifaina com colaboração de diversos agentes culturais de Franca, tendencias de vanguarda, cobertura jornalistica colaborativa, hospedagem solidária, coletividade e colaboração, essa é a essência.
Saiba mais, AQUI
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s