ENCANTA VALE 2011

Clique na imagem para acessar site do projeto

Texto: Andressa Arena

Projeto: Encanta Vale 2009

O palco de pedras emergia da água, ventava um vento refrescante que acalentava o fogo que transcendia dos corpos, eram os quatro elementos unidos para servir de pilastras ao homem. Crianças corriam sem direção, atrás de bolhas de sabão que seguiam em direção ao céu até se fundirem com as estrelas e pareciam vagalumes quando vistas perto dos refletores, outras crianças giravam fitas em volta do corpo imaginando-se um astro de circo, era um cenário lírico, era a platéia cheia de olhares curiosos e ansiosos, de tal brilho que dava pra se perguntar se era a lua refletida em seus olhos ou os olhos que causavam o brilho da lua.

A lua estava esplendida, alva e brilhante perfeitamente posicionada, refletida na água, refletida no palco, refletida nas cores que pouco a pouco surgiam de mãos mágicas na parede, mais olhares curiosos viam surgir de traços minuciosos uma menina colorida de coroa na cabeça que soltava pelas mãos fogo, água, terra e ar.

De repente o silêncio se quebra, surgem sons de tambores, se via nas mãos inexperientes que batiam com força a vontade de fazer a diferença, uma cidade conheceu a força que vinha de seus próprios filhos.

Uma nova surpresa surge flutuante do escuro das águas, bolas de fogo que bailavam no ar, bailarinos conduziam com graça e leveza bastões girantes com fogo nas pontas, soltavam fogo pelas mãos e pela boca, giravam na ponta do pé, encantavam, ganharam o palco e o público, dançaram para os quatro elementos, se fundiram. Assim como as saias das moças que dançavam um som inquietante, vindo de todos os cantos do Brasil, se fundiam. Misturados em arco-íris, giravam, pulavam, batiam alfaia e agbê, cantavam coco, maracatu e samba de roda.

No meio de tantas cores uma voz, cortante, invadia a alma de quem ouvisse.

Uns batiam palmas, outros cantavam e dançavam, outros apenas admiravam sem palavras.

Assim foi o Festival Cultural promovido por Ernani Baraldi na cidade de Rifaina, onde toda a população presente pode apreciar a difusão de culturas que ocorreram no Teatro de Arena da cidade, onde se apresentaram o grupo de percussão Tambores (Rifaina), o grupo de maracatu e música popular brasileira Viralatisse (São Paulo), os bailarinos Samuel, Luna, Paula e Daniel fazendo intervenções que representavam os quatro elementos (Terra, ar, água e fogo) e os grafiteiros Wagner Roza e Luís Birigui.

Assim foi o primeiro Encanta Vale.

Direção:

Ernani Baraldi (brazil)

Andres Gonzales (chile)

Produção Executiva

Raquel Zucchi

Angela Gaeta

Secretário de Cultura Rifaina

Cézar B. Cardoso

Secretário de Educação e Meio Ambiente

Carlos Alberto Baraldi

Artitas:

Grafite: Luiz Birigui e Wagner Roza (projeto Causa Efeito e Cidade Aprendiz)

Maracatu: Grupo Viralatisse

Arte Circense: Daniel Wolf e Paula Avala

Intervenções Cênicas: Samuel Rosa, Luna Borges, Lêlo Moraes,Glez Lima

Sonoplastia: Gledz Lima

Anfitrião: Marco Gomes

Agradecimentos

Ao grupo Maracatu Bloco de Pedra e projeto calo na mão, a prefeitura municipal de Rifaina Cézar, Tio Carlinhos, Hugo, Abrãozinho Ao Guga e ao Márcio e todos os amigos que me acolheram quando precisei, obrigado Viralatisse. Agradeço também a Camila Souza, Fefe e ao Pêpe que sintonizaram o teatro aos elementos daquele dia especial. Ao Biriguas e Roza por abraçar a idéia. Ao Polonês este grande amigo e parceiro, ao Marquinho, Ed, Beija Flor por acreditar em meus sonhos como se fosse o deles. Ao manos de Rifaina, que sem titubear colocaram-se prontos para ajudar na decoração e produção do teatro de arena. Agradeço em especial à minha mãe, por rezar todas à noites por mim. A minha irmã Adriana, por me motivar todos os dias. Ao meu sobrinhos, Matheus, Francisco e Felipe, filhos da luz. Agradeço ao meu irmão André e todos seus amigos que ajudaram pra deixar o teatro “nos trinks” . Andressa Arena, linda amiga, amiga linda por sua sensibilidade e redação. Obrigado Ive por ser amiga/conselheira. Luna, Samuca, Daniel e  Paula, muitíssimo obrigado por sintonizar os elementos a toda energia daquela noite. Por fim, quero agradecer ao meu melhor amigo – Andrés Gonzales – por estar ao meu lado nos bons momentos, mas principalmente, estar também nos piores.  Raquel Zucchi responsável por me colocar neste novo mundo, obrigado!

Ernani Baraldi

Poesia e natureza
Grafite: Luiz Birigui (causa efeito) Wagner Roza (cidade escola aprendiz)
Poesia e fotografia
Daniel Wolf e Paula Alaya
Viralatisse – grupo de maior representação no Maracatu de São Paulo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s